III Encontro Estadual dos Professores de Direito do Paraná será em outubro

 

A OAB Paraná realizará no próximo dia 11 de outubro, a partir das 12h, na sede do Ahú, o III Encontro Estadual dos Professores de Direito do Estado do Paraná. O evento propõe um debate sobre as novas diretrizes curriculares instituídas a partir da Resolução nº 5, de 17 de dezembro de 2018, e os consequentes impactos na Educação Jurídica e no Exame de Ordem.

A iniciativa é coordenada pela Comissão de Ensino Jurídico, presidida pela advogada Fernanda Schaefer Rivabem, e pela Comissão de Estágio e Exame de Ordem, que tem Daniel Müller Martins como presidente.

A ideia é criar um ambiente de debate entre professores de instituições de Ensino Superior e representantes das instituições de Ensino Superior sobre cada um dos temas dos painéis.

As inscrições podem ser realizadas no site da OAB/PR (clique aqui

Programação:

12h – CREDENCIAMENTO

13h30 – ABERTURA
Dr. Cássio Lisandro Telles e Dra. Marilena Indira Winter

14h – O PAPEL DA OAB NA AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE DIREITO
Dr. Rodrigo Sánchez Rios
Dr. Eroulths Cortiano Junior
Dra. Fernanda Schaefer Rivabem

15h – INOVAÇÃO E ENSINO JURÍDICO
Dr. Rhodrigo Deda Gomes
Dra. Mariana Pereira Faria
Dra. Karen Venazzi

16h – PREMIAÇÃO CONCURSO ALOÍSIO SURGIK E APRESENTAÇÃO DAS MELHORES PRÁTICAS

17h – DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO EXAME DE ORDEM
Dr. Daniel Müller Martins
Dr. Marcos Ehrhardt (AL)

18h30 – COFFEE BREAK

19h – LIBERDADE ACADÊMICA E LIBERDADE DE CÁTEDRA
Dr. Rodrigo Kanayama
Dr. Ilton Norberto Robl Filho
Dra. Katia Kozicki

20h30 – OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO JURÍDICA NO BRASIL
Dr. Carlos Alberto Rohrmann (MG)

22h – ENCERRAMENTO

Nesse evento, às 16h, haverá a premiação do Prêmio Aloísio Surgik. 

Prêmio Professor Aloísio Surgik

Com o objetivo de incentivar a realização, aperfeiçoamento e disseminação de boas práticas docentes e de valorização profissional no âmbito da Educação Jurídica do estado, a OAB Paraná lançou o Prêmio Aloísio Surgik, em referência ao renomado jurista paranaense, que foi um dos grandes defensores da democratização do ensino superior jurídico. A iniciativa é coordenada pela Comissão de Ensino Jurídico, presidida por advogada Fernanda Schaefer Rivabem, e pela Comissão de Estágio e Exame de Ordem, que tem Daniel Müller Martins como presidente.

As inscrições vão até 13 de setembro.

Professores de Instituições de Ensino Superior e Instituições de Ensino Superior com interesse em se inscrever no Prêmio devem optar por uma entre quatro categorias, que são as seguintes:

ENSINO – pretende contemplar práticas desenvolvidas para melhora do Ensino do Direito, seja por meio do desenvolvimento de metodologia ou de material didático criativo e inovador;

PESQUISA – visando ao reconhecimento de práticas desenvolvidas para melhoria dos níveis da pesquisa nos cursos de Direito, tais como programas de monitorias, grupos de pesquisa e pesquisas aplicadas;

EXTENSÃO – voltada para as práticas desenvolvidas para promoção da interação entre sala de aula e a comunidade em que o curso está inserido.

VALORIZAÇÃO DOCENTE – específico para práticas de Instituições de Ensino Superior, públicas ou privadas, aplicadas para a formação, desenvolvimento, reconhecimento e valorização do profissional da Educação Jurídica.

Para participar inscreva-se aqui e encaminhe o projeto e demais documentos conforme regulamento ao e-mail: inscricao.premio@oabpr.org.br. Dúvidas poderão ser enviadas para o mesmo e-mail.

O resultado será divulgado no dia 4 de outubro nos meios de comunicação oficiais da OAB-PR.

A cerimônia de premiação e apresentação das práticas vencedoras será realizada no dia 11 de outubro, no III Encontro Estadual dos Professores de Direito do Paraná.


Sobre Aloísio Surgik

Graduado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e doutor pela Universidade de São Paulo (USP), Aloísio Surgik começou sua carreira acadêmica em 1976, na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR). Ele também lecionou na UFPR, no Centro Universitário Curitiba (Unicuritiba), na Universidade Tuiuti do Paraná (UTP), no Centro Universitário Internacional (Uninter) e na Universidade do Contestado (UnC), em Santa Catarina. Graduou-se, ainda, em letras na PUC-PR e filosofia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
Especialista em direito processual civil, teve como verdadeiras paixões a história do direito e, principalmente, o Direito Romano, matéria pela qual se tornou reconhecido e passou a ser referência. Foi autor de obras como “Lineamentos do Processo Civil Romano”, “Compêndio de Direito Processual Canônico” e “Viajando pela História – do Direito Romano ao Contemporâneo”.
Membro da Academia Paranaense de Letras Jurídicas e poliglota, foi presidente do Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana (Sinpes) entre 1991 e 2007. Lutou pela excelência do ensino, pela salvaguarda e ampliação dos direitos dos professores do ensino superior e pela democratização e humanização nas relações de trabalho.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Desenvolvido por ledz.com.br