OAB Paraná acompanha caso de advogada assassinada em Curitiba

 

É com grande pesar que a OAB Paraná recebe a notícia do assassinato da advogada paranaense Angelina Silva Guerreiro Rodrigues, de 42 anos, inscrita na seccional sob o nº. 74.102. A Ordem lamenta profundamente mais este triste caso de feminicídio e manifesta solidariedade à família, aos amigos e colegas de Angelina.

Segundo informações preliminares, Angelina teria sido assassinada pelo marido após uma discussão em um condomínio no bairro Capão Raso, em Curitiba. O corpo da advogada foi encontrado nesta manhã (22). O suspeito de cometer o crime teria fugido e não foi localizado até o momento.

A seccional paranaense, por meio de suas comissões, com ênfase da Comissão de Estudos de Violência de Gênero (CEVIGE) e da Comissão da Mulher Advogada (CMA), defende intransigentemente o enfrentamento a todas as formas de violência, com ênfase na violência de gênero pelas suas características nefastas no cotidiano das mulheres, e repudia mais este episódio trágico e abominável.

A diretoria da seccional designou as presidentes das duas comissões, respectivamente as advogadas Helena de Souza Rocha e Mariana Lopes da Silva Bonfim, para acompanhar as investigações. O caso também é acompanhado pela Diretoria de Prerrogativas e pela Comissão de Defesa das Prerrogativas da seccional.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Desenvolvido por ledz.com.br