Seccionais do Paraná e de Santa Catarina instalam Subseção da OAB na Fronteira Sudoeste

 

As seccionais do Paraná e de Santa Catarina instalaram nesta quarta-feira (10) a Subseção da Fronteira. A sessão foi realizada em  Dionísio Cerqueira, com as presenças dos presidentes da OAB Paraná, Cássio Telles, e da OAB Santa Catarina, Rafael Horn, além de membros das diretorias das seccionais, presidentes de subseção, conselheiros e representantes da advocacia da região Sudoeste, do Judiciário, do Executivo e do Legislativo.

A nova subseção irá abranger as Comarcas de Dionísio Cerqueira (SC), São José do Cedro (SC), Barracão (PR), Capanema (PR) e Santo Antônio do Sudoeste (PR). Os municípios de Barracão, Bom Jesus do Sul, Salgado Filho, Santo Antônio do Sudoeste, Pranchita, Capanema, Pérola D’Oeste e Planalto, hoje vinculados à Subseção de Francisco Beltrão, serão integrados à subseção da Fronteira. 

Na sessão foram empossadas os membros da diretoria da Subseção da Fronteira, composta por Guilherme Cícero Moreira Maran (presidente), Ivanice Tressoldi (vice-presidente), Gaspar Fidelis de Almeida Júnior (secretário), Carlos Valdemir Oleynik (secretário adjunto) e Rui Mandelli Júnior (tesoureiro).  Também foi empossada a Comissão para Instalação da Subseção da Fronteira Sodoeste, integrada por Vinicius Ratti (presidente), Marcela Rittes, Janderson de Moura, Patrique Mattos Drey e Clayton Igor Moro.

Também participaram da sessão solene a vice-presidente da OAB Paraná, Marilena Winter, o diretor de Prerrogativas Alexandre Salomão,  a secretária-geral adjunta Christhyanne  Bortolotto, o diretor tesoureiro Henrique Gaede,  os conselheiros federais Airton Molina e Flávio Pansieri, o presidente da CAA-PR, Fabiano Baracat, o vice-presidente da OAB Santa Catarina, Maurício Voos, a secretária-geral adjunta Regina Zechini,o diretor tesoureiro Juliano Moreira, o conselheiro federal Paulo Marcondes Brincas, além de outros representantes das seccionais e presidentes de subseções.

Compromisso

Ao saudar os presentes, Vinicius Ratti enalteceu o compromisso da comissão com o trabalho em prol da advocacia da fronteira. “Certamente somos pioneiros nesse modelo, um exemplo estadual e, por que não, nacional. A força e união de duas seccionais fortalece a classe”, disse.

Representando o estado catarinense, Guilherme Cícero Moreira Maran agradeceu os profissionais que hoje compõem a Subseção da Fronteira e subscreveram o pedido de criação da nova sede. “Gostaria de deixar meu eterno comprometimento. Estarei à disposição de todos para o que for necessário”, afirmou.

Para o presidente da OAB Francisco Beltrão, Luiz Carlos D´agostini Junior, o momento é histórico. “Com a criação da subseção, a advocacia fica mais forte. Essa é a preocupação da nossa OAB Paraná. Como bem disse o presidente Cássio Telles, não estamos enfraquecendo uma subseção, mas fortalecendo a Região Sudoeste”, disse.

O presidente da Subseção de São Miguel do Oeste, Eloi Pedro Bonamigo, agradeceu a criação da subseção compartilhada, frisando que a diretoria empossada está preparada para representar a advocacia da Tri Fronteira. “Este trabalho foi construído a muitas mãos e envolveu muitas pessoas. E não é uma subseção pequena: são muitas comarcas e municípios e muitos advogados que aqui militam. Quem ganhará com isso será a advocacia”, pontuou.

Agradecimentos

“A palavra gratidão transmite aquilo que sentimos agora. Além da palavra gratidão, temos a palavra time. Se não agregarmos, nada construiremos. O único propósito de todos nós é cuidar do advogado e advogada da ponta”, frisou a presidente da CAA-SC, Claudia da Silva Prudêncio. 

Em nome da OAB Paraná, a vice-presidente Marilena Winter destacou a grandeza da convivência harmoniosa e complementar na fronteira. A advogada destacou o trabalho de Cássio Telles e Rafael Horn em defesa das bandeiras da advocacia e a participação feminina nos quadros da OAB. “Iniciamos uma nova trajetória que será exemplar, na medida em que não há disputa de espaço, mas a soma de esforços. Faço o registro de nosso orgulho enquanto paranaenses em estarmos irmanados com nossos colegas catarinenses”, afirmou.

“Que noite alegre, de vitória, de união e trabalho para conquistar algo que há muitos anos legitimamente era reivindicado por esta região do Paraná. Estar na presidência da OAB Paraná ao seu lado, presidente Rafael Horn, é uma expressão da união de forças que fortalecem a Região Sul. Demonstra como temos enfrentado juntos os desafios e a partir da troca de ideias conseguimos superar as adversidades que afetam o cotidiano da advocacia”, disse o presidente Cássio Telles ao saudar os presentes. 

 Para o presidente da OAB Paraná, a instalação da Subseção da Fronteira simboliza a vitória da união, representada pela participação maciça da advocacia da região. “Todos nós estamos aqui para abraçar a advocacia da fronteira e dizer que merecemos esta subseção. Vocês sentirão como isso se refletirá na unidade, no exercício cotidiano da profissão”, disse.

“A OAB tem por missão primeira defender o livre exercício profissional. Temos várias missões importantes, mas fundamentalmente o nosso papel está voltado à proteção do exercício da advocacia, o exercício livre e independente, com remuneração digna. Nas nossas peregrinações – e como sofremos durante a pandemia – fazemos questão de estar perto e conversar com a base da advocacia e saber o que ela precisa. Aqui, em Barracão, em Santo Antônio da Platina e Capanema teremos um vigor muito maior para atender aos anseios da nossa classe”, garantiu Telles.

O presidente da OAB Santa Catarina, Rafael Horn, pontuou que esta é a primeira subseção a ser instalada em forma híbrida, além de ser a primeira compartilhada por duas seccionais. “Os colegas aprovaram não só a viabilidade da subseção, como provaram a importância da OAB aqui na região. O desafio de superar as fronteiras é feito por meio da conexão, da união em prol da advocacia. Estamos aqui para sublimar as fronteiras em prol desse projeto comum em benefício da advocacia paranaense e catarinense. Esses princípios de cooperação nos unem”, disse. “Trabalharemos juntos em todas as questões caras à advocacia”, frisou.

Histórico

A criação da Subseção da Fronteira com sede em Barracão e Dionísio Cerqueira foi viabilizada graças a um esforço conjunto de ambas as seccionais.  Em  2019, na gestão de José Augusto Araújo de Noronha (2016-2018), os presidentes das seccionais estiveram com advogados das cidades para tratar do assunto, criando uma comissão de estudos de viabilidade da construção de uma sede conjunta na região e instalação de uma subseção. 

O aval para a instalação da 49ª subseção foi dado por unanimidade em outubro passado pelo Conselho Pleno, após a apresentação da proposta relatada pelo conselheiro seccional Ciro Piaseckifoi (confira a íntegra do parecer de autoria do conselheiro relator).

 

Postado em: Destaque, Notícias | Tags: Sem tags

Desenvolvido por ledz.com.br