OAB Paraná lamenta o falecimento da advogada Alia Haddad

 

A OAB Paraná comunica com imenso pesar o falecimento da advogada Alia Haddad, 77 anos, ocorrido em Curitiba nesta sexta-feira, 10 de junho. Desde 1971, ela militava na advocacia, passando, após alguns anos, a compartilhar o escritório com o irmão Áli Haddad, também advogado. Sua contribuição voluntária para o sistema OAB é imensa. Antes mesmo da popularização da internet, Alia idealizou a TV OAB, para difundir entre os advogados as atividades promovidas pela seccional paranaense. Em 2002, entrou na Comissão das Mulheres Advogadas. De 2004 a 2006 integrou o Tribunal de Ética e Disciplina. No triênio seguinte, voltou à Comissão das Mulheres na condição de vice-presidente e também vice-presidiu a Comissão de Direito Internacional (CDI). Aprofundando-se cada vez no tema, Alia presidiu a CDI de 2009 a 2015, tornando-se, depois, sua membro consultora.

Foi sob a orientação da advogada que a CDI produziu em 2012 o parecer jurídico sobre a demarcação do mar territorial paranaense, documento que serviu de base para a bancada do estado no Congresso defender a revisão na partilha dos royalties do petróleo do pré-sal. Também no sistema OAB, Alia integrou a Comissão de Obras da sede própria da subseção da Lapa, inaugurada em dezembro de 2018. Sua dedicação ao associativismo era tão ampla quanto a que devotava ao sistema OAB.

O corpo de Alia Haddad está sendo velado na Capela 3 do Cemitério Municipal São Francisco de Paula, em Curitiba. O sepultamento está previsto para as 17h. Ao irmão, Áli, e a todos os familiares e amigos, a OAB Paraná manifesta sua solidariedade em sentidas condolências.

 

 

 

 

Postado em: Luto, Notícias | Tags:

Desenvolvido por ledz.com.br