OAB Paraná decreta luto oficial pelo falecimento do presidente Edgard Luiz Cavalcanti de Albuquerque

 

A OAB Paraná lamenta profundamente o falecimento do advogado e presidente da seccional do triênio 1998 a 2000, Edgard Luiz Cavalcanti de Albuquerque (OAB/PR2525), aos 82 anos, nesta quarta-feira, 29 de junho. Em função da perda, a presidente da seccional, Marilena Winter, decretou luto oficial de três dias.

Albuquerque também atuou como conselheiro seccional, tendo sido membro da 1ª Comissão de Seleção e foi conselheiro federal titular no triênio 2001-2003. Graduado em direito pela Universidade Federal do Paraná (UPFR), ele era filho de Edgard Cavalcanti de Albuquerque, que também presidiu a seccional de 1963 a 1965.

Em 2015, completou 50 anos de exercício ininterrupto e ilibado da advocacia e foi o orador durante a solenidade de jubilamento na sede da OAB Paraná. Ele seguia atuando na profissão e participava ativamente de eventos da Ordem até a data de seu falecimento.

Nascido em São Paulo, Albuquerque chegou em Curitiba aos 7 anos de idade em um dia típico de inverno da capital paranaense. Antes, morou em Manaus e João Pessoa – que ele considerava a capital mais linda do Nordeste. As diversas mudanças ocorreram em função da atuação profissional do pai, que era advogado do  Instituto de Previdência e Aposentadoria dos Servidores do Estado (IPASE).

Foi casado com a senhora Marilu Stellfeld Cavalcanti de Albuquerque, já falecida. O casal teve três filhas: Ana Luiza e Paola, que também já faleceram, e Roberta. Além dessa filha, Albuquerque deixa dois netos.

Em seu discurso durante a solenidade de jubilamento, Albuquerque citou um poema de Mário de Andrade:

“Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para a frente do que já vivi até agora.

Tenho muito mais passado que futuro.

Sinto-me como aquele menino que ganhou uma bacia de jabuticabas.

As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

[…]

Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência , minha alma tem pressa.”

Aos familiares e amigos, a OAB Paraná expressa profundas condolências na mesma medida em que manifesta gratidão pelo legado que Edgar Luiz Cavalcanti de Albuquerque deixa a toda a advocacia paranaense.

 

Informações sobre o velório: quinta-feira 30/06, das 9h às 15h, na Capela Mortuária da Comunidade Evangélica Luterana De Curitiba (R. Ivo Leão, 205 – Alto da Glória)

Postado em: Destaque, Luto, Notícias | Tags:

Desenvolvido por ledz.com.br